quarta-feira. 28.09.2022
Montalegre

NOTÍCIAS MONTALEGRE | Congresso de Medicina Popular de Vilar de Perdizes continua a "preservar" as tradições [com fotos e vídeos]

O XXXVI Congresso de Medicina Popular arrancou ontem em Vilar de Perdizes, Montalegre, uma iniciativa que pretende valorizar o património popular e cultural daquela freguesia.

Depois de dois anos “online” devido à pandemia, o Congresso de Medicina Popular regressou às suas origens para dar a conhecer o património popular e cultural de Vilar de Perdizes, uma iniciativa criada pelo padre Fontes em 1983, que transformou o misticismo numa atração turística do concelho de Montalegre, através da junção do sagrado e do profano.

 

Ao Diário de Chaves, o padre Fontes disse ontem estar muito feliz por poder voltar a reencontrar “velhos amigos” que viajam de todo o país para estarem neste congresso que põe em destaque o poder curativo das plantas. Na opinião deste responsável, é importante continuarmos a preservar a cultura popular para as gerações vindouras.

Este congresso tem ajudado a dar maior visibilidade à aldeia de Vilar de Perdizes, desenvolvendo o setor do Turismo em toda a região do Barroso. Contudo, nos últimos anos, o evento tem vindo a perder alguma da sua força.

Orlando Alves, presidente da Câmara de Montalegre, presidiu a abertura do XXXVI Congresso de Medicina Popular e salientou a importância desta iniciativa não só para aquela localidade, mas também para o Barroso e todo o Alto Tâmega.

Ao longo dos três dias de congresso há palestras com vários especialistas sobre o poder curativo das plantas, vários expositores com venda de produtos locais, uma sala de exposição e momentos dedicados à música.

Um cartaz organizado pela Associação de Defesa do Património Vilar de Perdizes, em parceria com o Município de Montalegre/Ecomuseu de Barroso, a ANIMAR – Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Local e a Junta de Freguesia de Vilar de Perdizes e Meixide.

A presidente da Associação de Defesa do Património de Vilar de Perdizes, Umbelina Moura, conta como é que o congresso teve início.

A dona Isabel é presença assídua no congresso e no seu espaço vende licores, mel e compotas.O XXXVI Congresso de Medicina Popular, que teve início na sexta-feira, termina este domingo.

20220902_212834 (FILEminimizer)
1 / 40
20220902_212838 (FILEminimizer)
2 / 40
20220902_212905 (FILEminimizer)
3 / 40
20220902_212922 (FILEminimizer)
4 / 40
20220902_212947 (FILEminimizer)
5 / 40
20220902_223455 (FILEminimizer)
6 / 40
20220902_224147 (FILEminimizer)
7 / 40
20220902_223459 (FILEminimizer)
8 / 40
20220902_225624 (FILEminimizer)
9 / 40
20220902_225631 (FILEminimizer)
10 / 40
20220902_225845 (FILEminimizer)
11 / 40
20220902_225651 (FILEminimizer)
12 / 40
20220902_225710 (FILEminimizer)
13 / 40
20220902_225724 (FILEminimizer)
14 / 40
20220902_225859 (FILEminimizer)
15 / 40
20220902_225921 (FILEminimizer)
16 / 40
20220902_225913 (FILEminimizer)
17 / 40
20220902_225951 (FILEminimizer)
18 / 40
20220902_230418 (FILEminimizer)
19 / 40
20220902_230442 (FILEminimizer)
20 / 40
20220902_230508 (FILEminimizer)
21 / 40
20220902_230547 (FILEminimizer)
22 / 40
20220902_230822 (FILEminimizer)
23 / 40
20220902_230843 (FILEminimizer)
24 / 40
20220902_230609 (FILEminimizer)
25 / 40
20220902_230908 (FILEminimizer)
26 / 40
20220902_231228 (FILEminimizer)
27 / 40
20220902_231341 (FILEminimizer)
28 / 40
20220902_231630 (FILEminimizer)
29 / 40
20220902_231647 (FILEminimizer)
30 / 40
20220902_231701 (FILEminimizer)
31 / 40
20220902_231716 (FILEminimizer)
32 / 40
20220902_231725 (FILEminimizer)
33 / 40
20220902_232040 (FILEminimizer)
34 / 40
20220902_231754 (FILEminimizer)
35 / 40
20220902_231740 (FILEminimizer)
36 / 40
20220902_232007 (FILEminimizer)
37 / 40
20220902_232101 (FILEminimizer)
38 / 40
302173380_5749679558389160_1270793912963907700_n
39 / 40
304114395_5763957623628020_6629468325420751917_n
40 / 40
Comentários
NOTÍCIAS MONTALEGRE | Congresso de Medicina Popular de Vilar de Perdizes continua a...