quarta-feira. 28.09.2022
Em Chaves, a entrega do material de promoção turística aconteceu no Hotel Castelo. | FOTO: Cátia Portela.
Em Chaves, a entrega do material de promoção turística aconteceu no Hotel Castelo. | FOTO: Cátia Portela.

A Comunidade Intermunicipal (CIM) do Alto Tâmega e Barroso está a distribuir, pelas unidades hoteleiras do território, acrílicos com um QRcode de ligação direta ao site Visit Alto Tâmega” e ainda mapas turísticos da região. A campanha teve início na quinta-feira em Boticas.


Em Chaves, a entrega do material aconteceu na sexta-feira, no Castelo Hotel. Ramiro Gonçalves, primeiro secretário executivo da CIM Alto Tâmega e Barroso, explicou que sendo a hotelaria e a restauração “portas de entrada relevantes no território” os mesmos “deveriam dispor de meios para poder fazer circular os turistas na região”.

Neste contexto, “definimos este elemento que, para além de ter os nossos mapas com os 264 pontos de especial interesse no Alto Tâmega, que os turistas poderão levar consigo, dispõe também de um QRcode que dá ligação direta ao site ‘Visit Alto Tâmega’. Deste modo as pessoas poderão encontrar motivos que os levem a passar mais tempo no território, sublinhou Ramiro Gonçalves.

O responsável destacou ainda que com esta iniciativa está a ser dado mais um passo “para que tudo corra de acordo com aquilo que tem sido o grande sucesso da região no que respeita à captação de turistas, e que nós queremos que seja ainda muito mais majorada”.

Francisco Melo, vice-presidente da Câmara de Chaves, destacou e elogiou o trabalho de parceria existente entre os seis municípios e a CIM no âmbito da promoção turística do Alto Tâmega: “Há aqui uma colaboração entre os Municípios e a CIMAT, permitindo que esta faça uma estratégia de gestão geral daquilo que são os 264 pontos de interesse no território do Alto Tâmega, e depois cada concelho poderá criar mais conteúdos sobre os seus recursos, unindo assim esforços”, destacou.

Todos juntos conseguimos fazer com que a região saia engrandecida. O que queremos é obviamente aumentar a estadia média e também melhorar o tipo de turistas. Queremos que eles passem mais tempo na região e que tenham maior poder de compra para nós conseguirmos maior valor acrescentado”, acrescentou Francisco Melo.

O feedback do diretor do Hotel Castelo, António Jorge, foi extremamente positivo, referindo que não tinha conhecimento da existência de mais de 260 pontos de interesse turístico no território, destacando assim a importância e utilidade deste material para promover da melhor forma a região junto de quem os procura.

A entrega nos restantes quatro municípios que compõem o território (Montalegre, Ribeira de Pena, Valpaços e Vila Pouca de Aguiar) decorrerá nos próximos dias.

A iniciativa surge no âmbito da Promoção Turística do Alto Tâmega e Barroso, em sintonia com o Plano estratégico da Região. Nesta primeira fase, a distribuição está a ser feita apenas pela hotelaria, sendo, posteriormente, alargada também à restauração e unidades de turismo rural.

Presidente de Boticas, Fernando Queiroga, e o primeiro secretário executivo da CIM Alto Tâmega e Barroso entregam o material no Boticas Hotel Art & Spa.
Presidente de Boticas, Fernando Queiroga, e o primeiro secretário executivo da CIM Alto Tâmega e Barroso entregam o material no Boticas Hotel Art & Spa.


Estratégia de promoção é vista com agrado pelos agentes do setor

No município de Boticas o primeiro secretário executivo da CIM Alto Tâmega e Barroso juntou-se ao presidente da Câmara de Boticas, Fernando Queiroga, na entrega do material turístico pelo concelho.

O autarca botiquense lembrou que “esta iniciativa corresponde a uma necessidade que os agentes da hotelaria e restauração têm manifestado”, representando “uma estratégia de promoção conjunta do nosso território” que vai permitir “melhor preparação dos seus programas e roteiros pelos pontos de maior interesse devidamente referenciados nos seis Municípios”.

NOTÍCIAS ALTO TÂMEGA | Campanha da CIM Alto Tâmega e Barroso quer dar a conhecer mais...
Comentários