domingo. 05.02.2023

Com a voz afinada, boa disposição e as tradicionais coroas, a equipa de animação sociocultural da Misericórdia de Chaves percorreu todos os equipamentos sociais da instituição para cumprir a tradicional saudação ao Ano Novo, de forma a desejar um bom ano a todos os utentes, colaboradores e Mesa Administrativa da Santa Casa da Misericórdia de Chaves.

Os idosos foram desafiados a recordar músicas que segundo a tradição das suas localidades eram cantadas em dias de Reis. O convívio entre utentes e funcionários esteve garantido.

Tradição cumpriu-se nos Paços do Concelho

Os ferrinhos, as pandeiretas, as maracas, a viola, o bombo e o coro de vozes também entoaram nos Paços do Concelho. Mais de uma dezena de utentes daquela instituição de solidariedade social acompanhados pela equipa de animação sociocultural e pelo vice-provedor, Anselmo Martins, levaram os tradicionais cantares de Reis ao executivo municipal e funcionários do Município de Chaves, sendo uma das melodias entoadas com letra adaptada à instituição.

O grupo foi recebido pelo presidente da Câmara Municipal de Chaves, Nuno Vaz, e pelo restante corpo executivo, o qual desejou a todos um bom ano de 2023.

Celebrar as Janeiras, celebrar sobretudo o amor, a amizade e a proximidade são sempre revigorantes”, referiu o autarca dirigindo-se ao grupo de cantadores, desejando a todos “um ano feliz, com saúde e paz” e formulando votos de um “reencontro, para o ano, para que possamos celebrar a amizade e a vida", concluiu.

Manter vivas as tradições

A ação, integrada no plano anual de atividades da instituição, de acordo com a equipa de animação sociocultural, pretende “reforçar a identidade da instituição e a preservação de tradições, proporcionando momentos de alegria e saudável interação no seio institucional, através da participação ativa dos idosos, bem como o estreitar laços de proximidade com a comunidade”.

NOTÍCIAS CHAVES | Misericórdia saúda o novo ano com o cantar de Reis
Comentários