domingo. 05.02.2023
A abertura do Serviço de Atendimento e Acompanhamento Social contou com a presença da presidente da Câmara de Montalegre, Fátima Fernandes.

Com a descentralização de competências da administração direta e indireta do Estado para as autarquias locais em matéria da Ação Social, o município de Montalegre garante, desde ontem, o Serviço de Atendimento e Acompanhamento Social (SAAS) de pessoas e famílias em situação de vulnerabilidade e exclusão social e o acompanhamento da componente de inserção aos beneficiários de Rendimento Social de Inserção (RSI).

A transferência dos processos que se encontravam até agora em acompanhamento por parte da Segurança Social (SS) será gradual, sendo numa primeira fase transferidos processos com critérios específicos.

Contudo, explica a autarquia, continuará a haver processos cujo acompanhamento e gestão se manterão na esfera da SS, como está previsto no regulamento.

No entanto, todos os cidadãos que necessitem de atendimento no âmbito da ação social devem dirigir-se ao SAAS do município que assume a responsabilidade de orientar e encaminhar cada pessoa / família para o devido serviço de atendimento.

A vice-presidente da autarquia, Ana Isabel Dias, esclareceu que este serviço permite desenvolver “um trabalho mais próximo e mais presente uma vez que os municípios são, só por si, uma resposta de primeira linha”.

O SAAS era desenvolvido anteriormente pela Santa Casa da Misericórdia. Com a mudança, o SAAS passa a abranger todo o concelho e o serviço é assegurado por uma equipa técnica pluridisciplinar constituída por profissionais das áreas funcionais da ação e intervenção social, tem sede na Avenida Álvares Pereira, edifício da UBA - Arquivo Municipal, funcionando de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 12h30 e das 13h30 às 16h.

O SAAS tem ainda disponíveis os contactos: 276 510 200 ou [email protected]

NOTÍCIAS MONTALEGRE | Município assegura Serviço de Atendimento e Acompanhamento Social
Comentários