domingo. 25.02.2024
Montalegre garante Prémio Nacional da Paisagem 2022. | FOTOS: CM Montalegre.
Montalegre garante Prémio Nacional da Paisagem 2022. | FOTOS: CM Montalegre.

A candidatura da Câmara Municipal de Montalegre, "Montalegre – Uma Ideia da Natureza! Paisagem Agro-Silvo-Pastoril no Parque Nacional da Peneda-Gerês", recebeu uma menção especial no âmbito do Prémio Nacional da Paisagem 2022.

A entrega aconteceu no passado dia 12 de dezembro, em Lisboa, no Ministério do Ambiente e da Ação Climática, tendo a homenagem ocorrido no âmbito da 5ª Conferência Anual da Política Nacional de Arquitetura e Paisagem. O galardão foi entregue pelo Ministro do Ambiente e da Ação Climática, Duarte Cordeiro.

Destacando o grande valor natural e paisagístico, revelador de um riquíssimo património natural, cultural, arquitetónico e imaterial, marca identitária do território, a candidatura apresentada pelo município de Montalegre realçou o perfil diferenciador do Sistema Agro-Silvo-Pastoril – com destaque para o contexto no Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG), o elevado valor ecológico, cultural e estético das paisagens que, no presente, refletem os mais relevantes resultados da relação harmoniosa do ser humano com o suporte físico.

Tendo em vista assegurar a adequada proteção a um universo significativo de recursos eco culturais, procura-se, com este prémio, abrir novas perspetivas para a sua valorização efetiva através de um modelo de gestão (de base supramunicipal) capaz de envolver, aproximar e suscitar novas formas de participação e colaboração entre os atores institucionais (ICNF, autarquias, universidades, politécnicos, associações de desenvolvimento e outras entidades relevantes) e as populações.

Validação da estratégia do Património Agrícola Mundial 

Para a Presidente da Câmara Municipal de Montalegre, Fátima Fernandes, "este prémio, além da importância da distinção em si, vem, também, validar a nossa estratégia de valorização do Património Agrícola Mundial, nas paisagens e interação humana, e o investimento robusto da autarquia – de mais de 30 anos e em várias vertentes – que tem potenciado novos e diferenciadores usos, nomeadamente na atividade turística sustentável, desporto de natureza, nas experiências que preservam e promovem o património natural".

A Presidente da Câmara destacou ainda a estratégia da edilidade que, sob o lema "Barroso – Património Agrícola Mundial!", "concretiza, em muitas valências, a importância relevante que o Sistema Agro-Silvo-Pastoril de Barroso tem para o concelho, mas também para a região no sentido da sua dinamização socioeconómica e preservação enquanto recurso importante para o concelho".

NOTÍCIAS MONTALEGRE | Município conquista 2º lugar no Prémio Nacional da Paisagem